O QUE PODE ME PEDIR

um disco que me apaixona? Que eu pare de ouvir qualquer outra coisa, nem mesmo ele. Aí fica algo assim, como a música que eu ouvia: “no sono dos sons, meu sonho dorme profundo e esconde uma verdade que não se adivinha enquanto escrevo meu mundo” ou “uma verdade que nem eu mesmo via enquanto eu via o meu mundo”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s